A necessidade em ter uma bancada Nacionalista no congresso é urgente

 

SP, 20/05/2019 - Por Cibele Laura

 

Cibele Laura em entrevista ao Jornal Oi de Suzano

 

A necessidade em ter uma bancada Nacionalista no congresso é urgente. Uma bancada independente , ou seja , que não tenha sido eleita através do financiamento dos endinheirados, nem o financiamento eleitoral e nem a influência , treinamento e exposição através de Redes , OnGs , Fundações , movimentos idealizados pela classe dominante associada ao imperialismo.

 

Por isso a necessidade de que os partidos dispusessem espaço para que fosse criada uma base em torno de candidatos independentes e com projetos explicitamente de cunhos Nacionalistas , visando destacar e resolver a vulnerabilidade do Brasil diante do assédio e presença estrangeira. Tocar o dedo na ferida mesmo. Vejo alguns militantes que se dizem Nacionalistas , mas não conhecem nada sobre geopolítica ( política externa , a inserção do Brasil no cenário externo, estratégia , economia ) , não discorrem sobre as vulnerabilidades do país diante de grupos/países estrangeiros poderosos e ainda apoiam políticos com ligações diretas com a classe dominante entreguista , sustentando argumento indulgente às ambiguidades e muita tietagem infantil.

 

A gente quase não vê ( ou sabe ) de nenhum projeto , tampouco discussão , sobre como a Petrobras está exposta em âmbito sigiloso e estratégico por interesses exógenos em super dimensionar problemas corriqueiros internos , dando a grande mídia material para seduzir o brasileiro de que a Petrobras está quebrada.

 

Felipe Coutinho , presidente da AEPET , explicou que a Petrobrás tem como empresa de auditoria uma multinacional estrangeira . E foi devido a atitude dessa empresa que a mídia se fez valer para produzir a notícia de que a estatal estava super endividada e quebrada.

 

A empresa estrangeira de auditoria , mesmo com desvios causados pela corrupção , aprovou balanços da Estatal. E , pra fugir de processo por parte dos acionistas, resolveu cobrar da Petrobras que registrasse no balanço do 3° trimestre de 2014 os efeitos da corrupção. A Petrobras não poderia fazê-lo , pois a corrupção ainda estava em processo de investigação. Isso gerou impasse do balanço auditado , que se refletiu no acesso aos mercados financeiros . Crise passageira , pois, quando resolvido, a Estatal se recuperou e a oferta de capital foi superior a demanda. Mas , nesse ínterim , a mídia expôs a empresa como ferida de morte pela corrupção , onerando os cofres públicos e endividada. Isso , além da novelização da própria corrupção através Operação Lava Jato, justificou a retirada da Estatal da operação única do pré sal, acelerou leilões , a privatização de ativos e outras medidas anti nacionais , bem como o desgaste da imagem da Estatal.

 

Como ainda é permitido que uma empresa estrangeira preste serviço de auditoria para a maior Estatal do Brasil? Cade projeto ou discussões acerca disso ?

 

Outro ponto , como permitimos que empresas estadunidenses, ou seja, do país mais sangue no "zóio" por petróleo , faça a Criptografia de dados estratégicos da Petrobras, tendo o Brasil uma cobiçada reserva de petróleo? Afinal , se foi criptografado , é devido o sigilo desses dados , a segurança. A própria presidente da Petrobras, na época da CPI que investigou as espionagens que a Estatal e a presidência sofreram , confessou que 5 empresas estadunidenses prestavam o serviço de criptografia para a Petrobras!

 

Estamos entregando o galinheiro às raposas e queremos que o galinheiro seja seguro às galinhas , é isso ?

 

Cade discussões sobre ? O que vemos por aí é um blá blá blá em defesa de medidas anti povo pra justificar saída da crise econômica, inclusive por político apoiado por aqueles militantes que se dizem Nacionalistas. Nacionalismo soft , relativo , de ocasião e indulgente , queridos , não eCxiste ! O Nacionalismo é objetivo e tem alvos . Nacionalismo de goela , slogan , título pra postar foto no Facebook , não vale nada , nada produz , se apoiar político manufaturado nos EUA.

 

Vamos emergir da infância!